Milão (RV) – Em visita à Feira Internacional que acontece até outubro na Itália, a Expo 2015, a líder dos Democratas no Congresso dos Estados Unidos, Nancy Pelosi, comentou o Plano sobre o clima anunciado por Barack Obama: “Por anos a União Europeia ficou à frente de nós em respeito aos temas ambientais, mas acredito que o presidente Obama tenha entendido que o Clean Power Plan é uma possibilidade pra recuperar a liderança americana sobre esse tema.

Um tema sobre o qual a Encíclica do Papa Francisco foi de grande estímulo”.Durante uma coletiva com a imprensa, Pelosi sublinhou a importância da mensagem papal pela defesa do ambiente, definindo o Pontífice como um ‘instrumento’, porque é capaz de influenciar a opinião pública internacional.

Se alguém pode ignorar as políticas de Barack Obama, enfatizou ela, “não pode ignorar a mensagem do Papa. Como São Francisco, o primeiro grande ambientalista da história, o Papa percebeu a conexão entre pessoas, ambiente, agricultura e energia”, enalteceu a líder dos Democratas, na manhã desta segunda-feira (3).

“Devemos ser sensíveis aos temas da fome e das mudanças climáticas, e encontrar soluções que respondam a ambas urgências”, acrescentou ela, dizendo-se “muito confiante” sobre a aprovação do Plano. O Clean Power Plan foi anunciado neste domingo (2) por Obama, através de um vídeo.

Segundo o site da Casa Branca, o Plano de Energia Limpa da América é um dos maiores e mais importantes passos para enfrentar a ameaça das mudanças climáticas. A proposta define, pela primeira vez, os padrões de poluição para as usinas de energia, através de normas para reduzir as emissões de carbono do setor elétrico em 32% até 2030. A regulação dará início a uma transformação abrangente do setor, encorajando uma agressiva mudança rumo a mais energias renováveis e afastando a geração via carvão.
(AC/ANSA)